Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
comentários
qual das paginas vocês gostaram? e interessante?
Maquiagem para pele moren
alma de mulher
moda mulhe
intimidade femanina
tudo sobre sexo
dicas 30 beijos do kama s
6 DICAS PARA TER A VIDA A
dicas e cuidados com seus
Ver Resultados

Rating: 2.7/5 (1198 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...



amigos-vale ouro <div data-mvc-banner="sky-wide"></div><script type="text/javascript"> (function(storeName) { var b = document.createElement('script'); b.type = 'text/javascript'; b.async = true; b.src = 'https://www.magazinevoce.com.br/js/banner.js?store='+ storeName; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(b, s); })('luxmais'); </script>

 

 

 

 

Para conseguir a amizade de uma pessoa digna é preciso desenvolvermos em nós mesmos as qualidades que naquela admiramos.

Sócrates

A verdadeira amizade é aquela que nos permite falar, ao amigo, de todos os seus defeitos e de todas as nossas qualidades.

Millôr Fernandes

No final, não nos lembraremos das palavras dos nossos inimigos, mas do silêncio dos nossos amigos.

Martin Luther King" alt="" width="58" height="64" />

curte tambem a minha pagina no face

https://www.facebook.com/pages/Amigo-Que-Nos-Aplaude-E-Nos-ignora/234416906758945?ref=bookmarks


contos para esquentar a relação 3
contos para esquentar a relação 3

Este relato que vou narrar ocorreu recentemente e foi a melhor situação que eu já vivenciei em todas as experiências que já realizei, estou casado recentemente com uma morena de 28 anos, cabelos compridos e pretos, seios pequenos e firmes pele sedosa e uma bundinha que me leva a loucura sexualmente, temos relações diárias e com freqüência. Desde que a conheci, ela adorava me exibir para suas amigas, pois sou alto moreno e com um corpo atlético apesar dos meus 38 anos ainda chamo a atenção de muitas mulheres independente da idade. Adoro fazer fantasias sexuais e bota-las em pratica, e uma delas era realizar um ménage feminino com minha esposa e uma de suas amigas, que até o presente momento achava impossível devido ao fato que ela é muito ciumenta, porem com o passar dos meses essa idéia foi se amadurecendo até que ela mesma não resistiu e colocou em pratica. Tudo começou quando Sarah minha esposa comentou que tinha uma amiga que já havia realizado este tipo de fantasia e comentou que realizaria este ménage com ela, Tiana é uma morena muito gostosa de cabelos longos e encaracolados seios grandes e duros e uma bunda maravilhosa na qual me excitou muito ao conhece-la. Sarah combinou em uma sexta-feira por volta de 18:00 para apanhar Tiana em casa e levarmos para nossa residência onde após uma hora de papo começaram a me provocar dizendo que eu não daria conta de tal fantasia com as duas ao mesmo tempo pelo fato deu estar com uma aparência de cansado devido ao meu serviço ter sido estressante naquele dia. Estava no quarto deitado na minha cama assistindo TV com minha esposa de um lado e a sua amiga do outro, Tiana começou a se esfregar com a perna na minha, onde foi o suficiente para perceber que aquele seria o sinal que estávamos esperando para começarmos a nossa tão esperada fantasia. Sarah saiu do quarto pra apanhar outra cerveja, quando decidi investir no primeiro contato físico com Tiana, ela estava segurando o copo vazio na mão quando fui a sua procura retirando o copo e dando-lhe um sedutor beijo na boca, na qual ela retribuiu sugando minha língua e me acariciando meu rosto, em seguida Sarah entrou no quarto e quase cai pra trás quando vê aquela sena de seu marido beijando outra mulher, ela saiu do quarto contou até dez e retornou para começarmos o nosso tão esperado ménage, tudo aconteceu muito rápido, Sarah deitou na cama e me puxou dos braços da Tiana e começou a me beijar a boca também, Tiana não querendo ficar atrás começou a me lamber o pescoço e me acariciar o peito, me sentia no céu sendo disputado por duas mulheres maravilhosas e insaciáveis, pensei até em uma possível confusão por parte de minha esposa por ciúmes que aos poucos foi se tornando tesão. Tiana me puxou novamente e começou a me beijar para provocar minha esposa, mostrando que não iria abrir mão de ter tesão comigo devido ao fato que ela estava presente, e como se não bastasse, começou a provocar Sarah dizendo que ela estava com ciúmes pelo fato de estar me beijando ardentemente. Sara em resposta não deixou barato, foi abrindo meu short e chupando minha piroca já quase dura de tanto tesão, ao mesmo tempo a reação foi imediata e meu cacete endureceu a ponto de ficar dolorido em sua boca, Tiana presenciou a sena e começou a gemer na minha boca enquanto Sarah pegava a mão de Tiana e colocava na minha piroca dura, ela começou a apertar com força e a me masturbar num ritmo frenético que tive que me segurar para não esporrar antes do tempo, Sarah perdeu a cabeça e foi pra cima da Tiana abrindo sua calça e tirando a força pelas suas pernas deixando-a só de calcinha e me pedindo para tirar a blusa da Tiana na qual não perdi muito tempo em fazer, colocando aquele par de seios duros a mostra e levei-os a minha boca para saboreá-los, Sarah perguntava se eu estava gostando de chupar os seios da Tiana que se contorcia de tesão, pegando minha mão e esfregando na buceta da Tiana por cima da calcinha, Tiana continuava a me masturbar quando Sarah não agüentando mais e retirou a calcinha da Tiana com uma certa violência colocando a mostra desta vez esperado por mim ver a buceta peladinha da Tiana. Sarah me empurrou para cima da Tiana como que querendo ver o mais rápido possível a penetração da minha piroca na buceta dela, que a essa altura já se encontrava encharcada. Sarah pegou minha piroca com a mão e começou a esfregar na rachinha da Tiana que se movimentava para a penetração de imediato abrindo suas pernas para facilitar com muito tesão a penetração, eu estava deitado entre as pernas da Tiana enquanto Sarah me empurrava com força como se quisesse estar sentido aquele ato comigo, eu achava tudo aquilo maravilhoso, porem não me sentia a vontade sendo dominado pelas duas potrancas, não demorando muito, Tiana se acabou num violento orgasmo me apertando contra si, percebi que agora era a vez de Sarah provar o dela, sai de cima da Tiana e penetrei de uma vez a buceta de minha esposa que nunca vi tão molhada, minha esposa gozou de imediato tamanho era o tesão daquela situação. Quando pensei que iria descansar, Sarah pediu pra Tiana ficar de quatro na cama para me ver possui-la por trás na vagina, pois essa era uma das coisas que Sarah tinha mais tesão de ver, e Tiana obedeceu sem reclamar, fiquei em pé na beirada da cama e comecei a penetra-la com o aval de Sarah que não perdia um só momento, Tiana estava alucinada sendo penetrada por mim gemendo alto gozando novamente, foi quando pra minha surpresa Sarah pediu pra chupar os seios da Tiana que autorizou, ela entrou por baixo da Tiana e começou a mamar aqueles seios duros e roliços, enquanto eu continuava a penetrar Tiana por trás. Tiana se transformou e pediu para que eu batesse na sua bunda, enquanto Sarah foi se deslocando mais abaixo colocando sua boca na buceta da Tiana enquanto minha piroca continuava a deslizar com mais violência devido a toda aquela situação, sentia a língua da Sarah encostando no meu pau e Tiana não agüentou por muito tempo e deitou sobre o rosto de Sarah retirando meu pau de sua buceta ensopada, foi quando Sarah me pediu para chupar a buceta da Tiana junto com ela e obedeci de imediato, Sarah estava por baixo e eu por cima da Tiana na qual minha língua penetrava no cuzinho e a da Sarah na buceta e depois chupamos juntos a buceta saboreando o orgasmo da Tiana. Em seguida voltei a penetrar Sarah que parecia estar em transe devido toda aquela emoção, era algo realmente maravilhoso sentir o orgasmo múltiplos de minha esposa, eu estava encharcado de suor mesmo com o ar condicionado do meu quarto ligado e fui pra minha suíte tomar um banho, Sarah não demorou muito e foi também enquanto Tiana estava desfalecida de bruços, conversei com Sarah sobre tudo que estava ocorrendo e ela estava maravilhada com toda aquela situação, foi quando fui chamar Tiana para um banho e a vi com aquela bundinha pra cima e não resisti em penetrar novamente minha língua em seu cuzinho e buceta ao mesmo tempo, meu pau endureceu novamente e deitei por cima da Tiana penetrando-a de uma forma carinhosa, Sarah chegou e começou a perguntar pra Tiana o que ela estava achando de tudo, e numa voz rouca respondeu a Sarah que ela tinha um marido maravilhoso na cama e pediu para que eu penetrasse minha rola com força em sua buceta e eu fiz, em seguida pediu para que eu puxasse seu cabelo e mordesse seu pescoço, a putinha começou a gozar e a me chamar de cachorro pedindo para que eu mexesse devagar até ela acabar seu orgasmo, Sarah estava se masturbando ao lado da cama e pediu para ser penetrada naquele momento e eu realizei seu pedido. Enquanto penetrava minha esposa, Tiana se levantou e foi tomar banho, não demorando muito Sarah começou a gritar se acabando num delicioso orgasmo. Fui ao banheiro tomar outro banho com Tiana que se banhava esfregando seu corpinho escultural, não resisti a cena e agachei colocando minha boca na buceta da Tiana que começou a gemer chamando a atenção da Sarah que juntou-se a nos novamente, Tiana levantou uma perna apoiando sobre a minha que estava agachado, segurando minha cabeça e se movimentando gostoso em minha boca, Sarah vendo aquela cena, deitou-se no chão e veio ao encontro da minha piroca que estava dura novamente, Sarah penetrava sua deliciosa buceta em meu pau enquanto Tiana se acabava em gozo na minha boca, já vi inúmeros filmes eróticos, mais nunca presenciei uma cena igual ao que eu estava realizando, foi maravilhoso. Após relaxar no chuveiro, me joguei na cama e Sarah fez o mesmo deitando ao meu lado, Tiana veio depois dizendo que precisava ir embora e colocou a calcinha, pensei que ela iria dormir conosco e teria mais tempo para desfruta-la com mais calma durante a madrugada, ainda estava com muito tesão e peguei Tiana pela cintura e a deitei na cama onde sem nenhuma resistência retirei novamente sua minúscula calcinha, abri sua perna e abocanhei novamente aquela bucetinha inchada de tanto ser usada por mim, Sarah se deitou por cima da Tiana e encostou sua buceta na buceta dela e chupei as duas ao mesmo tempo, abocanhando os dois grelos em minha boca simultaneamente levando as duas num orgasmo único, penetrei um dedo na Tiana e outro dedo da mesma mão na Sarah, onde as duas se contorciam ao mesmo tempo ao sentirem uma buceta esfregando na outra, foi quando pra minha surpresa, Sarah se ajeitou entre as pernas da Tiana e começaram a se esfregar uma na buceta da outra segurando as pernas para encaixar melhor as bucetas delas, uma verdadeira loucura aquilo tudo, e eu assistindo aquela cena inédita pra mim, não perdi tempo em chupar o peito da Tiana que estava mais próxima no momento, quando Tiana estava próximo do orgasmo, pediu para que eu a penetrasse imediatamente e eu a obedeci, estava metendo gostoso naquela buceta, quando Tiana começou a provocar Sarah dizendo que a rola do seu marido era uma delicia e pedindo enquanto gozava para que eu a beijasse na boca, Sarah não teve outra saída senão engolir seco e se masturbar gozando junto com a Tiana na minha piroca. Fomos mais uma vez para o banheiro nos refrescar, e penetrei Tiana por trás em sua buceta, tentei comer seu cuzinho, porem ela não deixou, debruçou na parede empinando a bundinha para facilitar a penetração, Sarah estava ao lado acariciando os seios da Tiana quando retirei meu pau da buceta da Tiana e penetrei na da Sarah na mesma posição, Tania permaneceu imóvel e eu retornei novamente a penetra-la por trás chegando a um orgasmo maravilhoso praticamente os três ao mesmo tempo.


Enquanto me amarrava, batia-me com um chicote! Arranhava minhas coxas, me fazia gemer de prazer e de dor... Quanto mais apertava as cordas, em seguida me batia, mais eu gemia! Não aguentava mais, e pedia-lhe por tudo para que me fodesse sem dó!! Enfiava um penis de borracha no meu cuzinho, pingava cera de vela nas minhas costas... Já não estava mais aguentando quando além do objeto enfiou também sua mão no meu ânus! Perdi os sentidos, minha vista escureceu, quando voltei a tona estava com o mesmo objeto na minha buceta e sua rola quente e grossa no meu cu!! Senti jorrar porra lá dentro... A noite não havia terminado, mas eu precisava descansar, então afrouxou as cordas e eu adormeci...


Tirando a virgindade da minha amiga Um dia eu estava na casa dela fazendo um trabalho e ela se lembrou que tinha uma garrafa de vodka, terminamos o trabalho, e Clara pegou a bebida e levou para o quarto. Eu tinha 15 anos e ela 14, começamos a beber e ela teve a ideia de brincarmos de verdade ou consequência, mas não éramos nós que fazíamos as perguntas, pois, era um jogo pelo computador... Se alguém se recusasse a pagar a consequência, teria que virar o copo com vodka pura. Algumas recusas de pagar o que o jogo mandava, e cada uma bebeu pelo menos uns 4 copos... Já estávamos muito bêbadas e como já não queríamos mais beber, para não vomitar, estávamos topando todos os "castigos". Foi então, que o jogo mandou dar um beijo de língua no outro participante... Eu não queria mais beber e eu disse que daria, ela também disse que não aguentava mais beber, e então aceitou. E eu a beijei! Timidamente, mesmo tendo gostado, aquela situação era muito nova... O próximo castigo que eu tive que pagar foi tirar duas peças de roupa, teria que ficar semi nua de todo jeito, já que eu estava sem sutiã, então tirei o short e a blusa. O jogo tinha vários níveis, esse ainda era nível médio, decidimos passar para o hard (nível difícil), era uma putaria só!!! Ela chupava meu peito, eu o dela, e de repente a prenda que ela tirou foi fazer um boquete no participante ao lado, como não tinha nenhum homem, "sobrou" para mim, logo eu que sempre fui safadinha... Ela era inexperiente, dava pra ver pela forma que ela me chupava, estava apressada e com vergonha, eu fui dizendo onde a língua dela deveria ficar, como deveria lamber, e como colocar seus dedos em mim, NOSSA! QUE BOCA DELICIOSA! Já havíamos esquecido o jogo... Eu puxei ela, e dei um beijo na sua boca, que naquele momento, tinha o gosto do meu sexo... Era esplêndido! Comecei a lhe fazer carinho, sabia que ela era virgem, éramos amigas há anos, como não saberia disto? IMPOSSÍVEL. Parei e a olhei, ela me pedia para continuar, a levantei do chão e levei-a ao banheiro, tomamos banho, arrumamos o quarto e nos deitamos, com a cabeça ainda girando, ela ficou me olhando, de repente toda sua timidez havia ido embora... Ela tentava me beijar a todo custo, eu não podia "macular" sua pureza. Ela começou a me perguntar o que havia de errado, e porque eu não a queria... Disse a ela que aquele não era o momento, já que não estávamos em perfeito estado mental, por conta da bebida... Ela disse que queria, que não se arrependeria, que me amava e que confiava em mim. Eu sabia que aquilo poderia estragar nossa amizade, mas, aquela menina, tentadoramente excitada, implorando por prazer... Beijei-a e comecei a passar minha mão em seu corpo, levantei sua blusa, chupei seus seios, escutando o sussurro de prazer que saíra por sua boca a cada movimento da minha língua... Estávamos excitadíssimas, desci mais e fiquei rodeando minha boca em seu umbigo, desci mais um pouco e enfim cheguei!!! Chupei seu clítoris, grande e suculento, como alguém que acabara de sair de um deserto... Desci mais e achei a sua fenda... Fechada, LACRADA, com o seu hímen, perguntei se era aquilo que ela queria e ela disse que sim. Lambia seu clítoris, levemente, saboreando cada milímetro, nitidamente arrepiada e tomada pelo tesão ela me pedia mais, cada vez mais alto e em bom som, me pedia mais, coloquei um dedo nela, e senti seu corpo enrijecer, ela me olhava com paixão e um pouco de medo, parei e subi, beijando-lhe novamente a boca, pedi que relaxasse e ela assim o fez. Movi o dedo, colocando e tirando, bem devagar, ela mordia meu lábio inferior, eu coloquei o segundo dedo e sua respiração ficou forte e mais rápida, movia os dedos dentro dela, sem tirar... Esperei que relaxasse mais, e coloquei o terceiro, me beijou enquanto abafou seu grito em minha boca, não parava de mexer os dedos, sabia que agora ela não era mais virgem. Aquela tarde foi maravilhosa, até hoje somos amigas. E nos amamos.


Eu quero Te namorar no frio Te provocar arrepio Te levar ao delírio Nesse desejo vadio Que o meu corpo sente Com fome do teu *Juliana Tozzini*


A ESPERA Se na calada da noite te procuro é porque você faz parte de mim... Sem você minhas noites ficam num completo vazio... Nem todas as verdades são sempre ditas... Nem todos os beijos , nem aquele longo abraço que se deseja são dados E o meu coração mais uma vez se fecha... *Flávia Guimarães*