Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
comentários
qual das paginas vocês gostaram? e interessante?
Maquiagem para pele moren
alma de mulher
moda mulhe
intimidade femanina
tudo sobre sexo
dicas 30 beijos do kama s
6 DICAS PARA TER A VIDA A
dicas e cuidados com seus
Ver Resultados

Rating: 2.7/5 (1202 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...



amigos-vale ouro <div data-mvc-banner="sky-wide"></div><script type="text/javascript"> (function(storeName) { var b = document.createElement('script'); b.type = 'text/javascript'; b.async = true; b.src = 'https://www.magazinevoce.com.br/js/banner.js?store='+ storeName; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(b, s); })('luxmais'); </script>

 

 

 

 

Para conseguir a amizade de uma pessoa digna é preciso desenvolvermos em nós mesmos as qualidades que naquela admiramos.

Sócrates

A verdadeira amizade é aquela que nos permite falar, ao amigo, de todos os seus defeitos e de todas as nossas qualidades.

Millôr Fernandes

No final, não nos lembraremos das palavras dos nossos inimigos, mas do silêncio dos nossos amigos.

Martin Luther King" alt="" width="58" height="64" />

curte tambem a minha pagina no face

https://www.facebook.com/pages/Amigo-Que-Nos-Aplaude-E-Nos-ignora/234416906758945?ref=bookmarks


duvidas e curiosidade toda mulher tem
duvidas e curiosidade toda mulher tem

Pênis muito grande machuca? Ginecologista esclarece

Consultamos um especialista para acabar com essa dúvida; confira

por Redação

 

Pênis muito grande machuca? Ginecologista esclarece title=
 

Atenção: Esta matéria contém teor sexual e é imprópria para menores de 18 anos.

Já falamos muito sobre isso e a gente sabe que o tamanho não é tudo que importa na hora do sexo. Apesar disso, é inevitável analisar e observar o órgão do parceiro sempre que entramos em uma nova relação. E assim como a preocupação com a falta de prazer caso o pênis seja muito pequeno, é normal também se assustar caso ele seja de um tamanho fora do comum. E aí, será que vai machucar?

Segundo o ginecologista Dr. Valter Almeida Ferreira Jorge, não! “A vagina é muito elástica e se adapta muito bem. Suportar a passagem de uma criança durante o parto é um grande exemplo disso. Portanto, não há com o que se preocupar”, garante o especialista.

O que pode acontecer, segundo o médico, é apenas um desconforto caso o pênis seja muito grande e atinja o colo do útero. “Pode ser que a sensação não seja muito agradável para a mulher, já que pode haver esse contato. Mas não há riscos para a saúde, já que o útero é um órgão solto, que fica fixado por meio de ligamentos flexíveis”, explica.

Portanto, caso o órgão do parceiro ultrapasse muito o padrão brasileiro de cerca de 13 centímetros ereto, não há motivos para se preocupar. Se não for muito agradável para você, peça para que ele vá com calma, caso contrário, é só aproveitar!

quem gosta mais de sexo vc ou ele?

 
Já se foi o tempo em que sexo era assunto de homem. As mulheres têm demonstrado sua libido e ousado mais entre quatro paredes. Há até quem garanta que elas andam mais “saidinhas” que os representantes do sexo masculino. Afinal, quando o assunto é o seu relacionamento sexual, quem gosta mais da “hora H”: você ou ele? Descubra, respondendo o questionário a seguir.

Sexo anal sem dor para a mulher é possível

Dedo, lubrificante à base de água e, essencialmente, camisinha são as dicas

por lucy santos
Sexo anal sem dor para a mulher é possível title=
 

Atenção: Esta matéria contém teor sexual e é imprópria para menores de 18 anos.

Diferente dos homens, que fantasiam muito com o sexo anal, a maioria das meninas tem certo receio dessa prática. O principal medo é de sentir dor, o que é uma preocupação comum e superjustificável, já que realmente dói. “O ânus possui uma musculatura para expelir, não para inserir nada. Por isso é natural a contração e a dor”, explica a sexóloga Carla Cecarello. Mas, segundo ela, alguns truques são capazes de diminuir o incômodo na relação.

O mais importante é estar decidida a chegar a esse nível de envolvimento, livre de tensão, e, depois, contar com a ajuda do parceiro para ir com bastante calma. “O dedo é o grande aliado para conseguir iniciar a penetração. Usando ele para tocar a entrada do ânus, basta esperar a contração, sem afastar o dedo. Depois de ‘fechar’, vai haver novamente um relaxamento. Nesse momento, é preciso forçar um pouco mais e esperar uma nova contração. Fazendo isso repetidas vezes, aos poucos, é possível chegar lá sem dor”, orienta a especialista.

Outro problema é a falta de lubrificação, que dificulta a penetração. A alternativa é usar géis à base de água. “Os lubrificantes à base de água não têm hormônio e são ideais para essa prática. Indico evitar outros tipos, já que a região anal apresenta muito mais irritabilidade”, ensina Carla, que alerta para fugir dos produtos que prometem efeito anestésico. “Nunca se deve usar nenhum a substância que cause amortecimento. A mulher não vai sentir nada na hora da penetração e a movimentação dopênis é capaz de machucar muito sem que se perceba no momento, podendo até romper pregas e causar feridas graves, que depois vão dificultar o controle das fezes”.

A prática não dá muito prazer para quem é penetrado, isso porque, diretamente, é muito raro conseguir chegar ao orgasmo somente pelo ânus. Mas a fantasia, o envolvimento e o toque em outras zonas erógenas  e no clitóris são capazes de tornar o momento muito gostoso se a mulher realmente estiver à vontade. “Tomando esses cuidados, o essencial é usar camisinha. Diferente da vagina, que tem um ph ácido capaz de promover maior proteção, o ânus é vulnerável a qualquer tipo de vírus e muito mais fácil de contrair doenças”, alerta.

Sexo oral: sexóloga dá dicas

A clássica pergunta é: por que o sexo oral é tão gostoso?

por  lucy santos
Sexo oral: sexóloga dá dicas title=
 

Atenção: Esta matéria contém teor sexual e é imprópria para menores de 18 anos.

Embora pareça não ter segredos, o sexo oral tem algumas técnicas capazes de melhorar o desempenho e aumentar –e muito– o prazer de homens e mulheres. Mas, calma! Todo cuidado é pouco. O sexo oral, além de prazeroso, requer cuidados. A pedagoga, sexóloga e escritora, Carmen Janssen tira as principais dúvidas, além de dar dicas que ajudam e muito na hora H.

A clássica pergunta é: por que o sexo oral é tão gostoso? De acordo com Janssen, a língua, além de macia, possui a firmeza necessária para a estimulação do clitóris ou da glande do pênis. O fato de ser quente e úmida também é outro ponto que conta bastante para potencializar as sensações prazerosas durante o ato.

Para começar a escalada do prazer, em primeiro lugar deixe de lado aquele mito de que sexo oral comcamisinha é igual a comer bala com papel. Segundo a sexóloga, isso acontece porque muitos homens dizem que perdem a sensibilidade com o uso do preservativo. Mas tem remédio. “Uma opção é comprar preservativos ultra-sensíveis e que geralmente são encontrados em sex shops. Eles são mais finos e ajudam a aumentar a sensação tátil. Também indico colocar um pedaço de gelo ou uma bala de menta na boca e, assim que os lábios ficarem geladinhos, tire o objeto da boca para não correr o risco de engoli-la e faça o sexo oral. Mesmo com a camisinha, ele vai sentir a sensação fria, que depois irá esquentando”, ressalta.

Outra dica é colocar um pouco de lubrificante na ponta do pênis do parceiro e utilizar a camisinha por cima. Dessa forma, a extremidade dela vai escorregar sobre a glande ao toque da língua, aumentando a sensação de prazer no local. “Tudo é uma questão de prática e de se acostumar com o uso de preservativo”, diz a especialista.

Já para quem ainda não se convenceu a fazer sexo oral com camisinha, Janssen alerta para os riscos. “A lubrificação vaginal, o líquido pré-ejaculatório ou o sêmen podem estar contaminados. Sendo assim, qualquer contato com a lubrificação contaminada pode ser muito perigoso. O preservativo deve ser usado durante toda a relação sexual’, avisa.

Para se convencer de vez a usar o preservativo, a sexóloga afirma que a herpes é uma doença que pode ser transmitida da boca de uma pessoa que tem a doença para os genitais da outra, ou até mesmo do genital para a boca. “O HPV também pode ser transmitido nessa prática, entre outras doenças como a hepatite, a gonorréia, a clamídia e a sífilis, principalmente se a pessoa tiver um corte pequeno, ulceração ou afta na boca”, alerta.

Dúvidas esclarecidas, que tal partir para uma noite especial com seu amado? E faça com que ele retribua. Afinal, quantas vezes você e suas amigas conversaram sobre o fato de terem mais facilidade para alcançar o orgasmo através do sexo oral? Segundo a sexóloga, existe um motivo para isso: o clitóris é o órgão mais sensível do corpo da mulher e sua única função é sentir prazer. “O clitóris é o órgão que desencadeia o orgasmo, mesmo quando ele é alcançado no sexo com penetração”, explica.

 

O que desanima os homens no sexo

Falar demais e falta de entrega são algumas das principais queixas deles

por 
O que desanima os homens no sexo title=
 
 

São vários os fatores que podem prejudicar, e muito, a relação sexual do casal, esfriar o relacionamento e desanimar os homens na hora do sexo. Falar demais, não estar com a higiene em dia, e não se permitir, nem satisfazer as vontades deles são algumas das reclamações que eles fazem e dizem desanimá-los durante o sexo.

É por isso que o ideal é manter um diálogo com o parceiro para conhecer melhor suas vontades e preferências. É preciso entender se ele gosta de dominar ou ser dominado. “Tem homens que gostam de mulheres ousadas, mas mais meigas. Outros preferem mulheres mais selvagens, que dominam e que determinam o que fazer”, diz a Dra. Creusa Dias, psicóloga e especialista em sexualidade humana.

Para deixar a relação sexual mais interessante e dar um up no prazer vale ousar um pouco. Os homens gostam, e muito, de serem surpreendidos e de vivenciarem algo novo durante a relação. A Dra. Creusa comenta que alguns deles preferem as mulheres mais ousadas, que se soltam na hora do sexo. “A mulher pode apimentar a relação usando, em seu corpo, chantili e frutas, principalmente aquelas que elas sabem que eles gostam. Pedir que ele, de olhos vendados, comece a comer as frutas ou mesmo oferecer uma sobremesa antes do jantar também é uma boa”, diz a Dra. Creusa.

A dica da Dra. Débora Regina Freschi, psicóloga, terapeuta de casais, família e especialista em terapia sexual e code pendência, para deixar os homens caidinhos na hora da relação é as mulheres “serem muito carinhosas já antes do sexo, beijarem muito e se soltarem na relação sexual, não sendo muito passivas e nem muito resistentes”. Pudor demais pode ser um grande empecilho para alguns homens. A Dra. Débora conta que alguns deles dizem desanimar quando as mulheres não aceitam certas coisas na hora H, como posições diferentes, sexo anal, sexo oral e, principalmente, quando querem fazer tudo do jeito delas. “Mulheres que falam demais também desanimam os homens”, diz a Dra. Débora. É importante ressaltar, no entanto, que para a relação ser gostosa para os dois é fundamental só fazer aquilo que tem realmente vontade. Se você fizer algo que não se sente à vontade, provavelmente também não será bom para ele.

Já a Dra. Creusa dá outras dicas para animar os homens na hora H. Ela diz que a mulher precisa, acima de tudo, despertar sua sensualidade. “Para ser sensual, a mulher deve se portar de forma elegante, meiga, carinhosa e se vestir, na hora do sexo, de maneira sedutora, além de estar bem cheirosa”, diz. De acordo com a especialista, descobrir qual a posição ele mais sente prazer e adotá-la, além de tomar iniciativas para o sexo, são algumas das formas de deixá-lo caidinho. Fazer uso de produtos eróticos é outra maneira de apimentar a relação. “Primeiro é preciso ver se o casal curte esses tipos de acessórios para, no fim, ter um bom resultado”, alerta a Dra. Creusa. A Dra. Débora lembra que “existem jogos que ajudam o casal a quebrar a rotina e se conhecer melhor sexualmente, seguindo um roteiro para desvendar cada parte do corpo e o que devem fazer com sugestões de carícias, além dos que ensinam a criar um jogo de sedução durante a relação”.

Se você faz o tipo mais tímida, não se preocupe, há uma luz no fim do túnel. O que a Dra. Creusa indica é procurar se soltar mais durante a relação, de forma natural, ou mesmo ir à procura de cursos para aprender a fazer massagens, danças sensuais, strip-tease, entre outros. Vale lembrar, entretanto, que as mulheres não devem se submeter a algo que não se sentem à vontade para fazer. “Os homens gostam muito do sexo anal, mas a mulher não pode se sujeitar a fazer o que significaria uma transgressão, um abuso para ela. Mulher nenhuma deve fazer algo que o homem gosta se ela não se sentir bem”, alerta. A Dra. Débora ainda lembra que se for algo saudável, mas ela ainda não se sentir completamente à vontade com a ideia, ela pode procurar um profissional da área, como o terapeuta sexual ou sexólogo. “Esses profissionais a ajudarão a romper com certos tabus, preconceitos, culpas e vergonhas para se soltar, dar e receber o prazer que merecem”, indica